quarta-feira, agosto 31

Ideias saudáveis: cookies integrais de aveia e canela

Para quem não gosta de chocolate ou é alérgico a esta maravilha da vida, trago-vos uma variante das minhas cookies de aveia e chocolate que aqui vos mostrei. Usei canela pelas suas magníficas propriedades e porque me cai sempre bem, mas podem optar por outro ingrediente se não gostarem ou fazer só mesmo com aveia! Confesso que as pepitas de chocolate das outras me deram uma enorme alegria que estas não dão. Mas são igualmente boas como snack saudável.



Cookies integrais de aveia e canela

Ingredientes:

1 chávena de flocos grossos de aveia
1 chávena de farinha de alfarroba
1 pitada de sal
1/2 chávena de água morna
1 colher de sopa de linhaça moída
2 colheres de sopa de doce de figo caseiro
2 colheres de sopa de açúcar amarelo ou adoçante stevia
6 colheres de sopa de canela
1 colher de chá de fermento
óleo de coco

Processo: 
Numa taça média, mistura a linhaça, o doce de figo, o açúcar e a água morna e mistura bem. Junta a farinha, a aveia, o fermento e uma pitada de sal. Por último junta a canela e mexe novamente.
Coloca pequenas porções da massa num tabuleiro com papel vegetal untado com um pouco de óleo de coco e ajeita as cookies. Leva ao forno durante 20 minutos a 175ºC. Quando estiverem prontas, deixa arrefecer. Retira o papel vegetal.


terça-feira, agosto 30

Ideias saudáveis: doce de figo caseiro

A pedido de muitas famílias e, no seguimento do doce de tomate que anda nas bocas dos meus co-workers e que vos mostrei aqui, trago-vos mais um doce caseiro feito com muito amor e saúde. Assim não há enganos: sabemos exatamente a quantidade de açúcares que estamos a ingerir. Eu particularmente, gosto muito de fazer o meu próprio pão e saber todos os ingredientes que vou ingerir. E com estes doces caseiros melhor ainda. Eu sei que dá uma trabalheira e que comemos tudo num ápice e nem sempre nos sai mais barato, mas se é tão mais saudável assim, não vale a pena o esforço?

O de hoje é de figo. E eu nem gosto de figos, vejam só e este doce cai-me que nem ginjas. Como tempero de saladas, como topping para sobremesas, basta uma colher para dar logo um sabor riquinho à comida.




 Doce de figo caseiro

Ingredientes:

1 kg de figos
400gr de açúcar amarelo 
1 pau de canela
sumo de 1 limão
1 litro de água

Processo: 
Numa panela, leva ao lume o açúcar, a água, o sumo de limão e o pau de canela. Mexe e deixa ferver. 
Lava os figos, corta-os ao meio e depois em quartos com casca. Há quem tire a casca, mas eu prefiro assim. 
Coloca-os na panela, com os restantes ingredientes, um a um e vai mexendo, com a calda a ferver.
Baixa o lume e deixa ferver durante mais uma hora ou até fazer o ponto estrada.*
Retira o pau de canela, tritura com a varinha mágina ou passa-os no passe-vite.
Deixa arrefecer e coloca o doce de imediato em frascos esterilizados. 
Tapa e vira ao contrário para criar vácuo durante 24 horas, para aumentar o tempo de conservação.** 

*"Ponto de estrada" - retira um pouco de doce e coloca num prato. Passa com a colher de pau no centro e se fizer uma "estrada" no meio está prontinho!
**Validade de aproximadamente um ano. Depois de aberto, deve ser conservado no frigorífico e consumido no prazo de um mês.

segunda-feira, agosto 29

#look 38: peek a boo

Boo. 

Ela não queria cá beijos, dá bem para ver, não dá? Que mimalha que esta me saiu, a minha doce e linda Princesa Aurora. Hoje trago-vos um look tão doce quanto ela, num dos meus jumpsuits favoritos. Todo preto, com uma abertura nas costas e é saia-calção. Não é lindo?




  Look 
Macacão: Zara
Sandálias: Seaside
Colar: Tous

sábado, agosto 27

Ideias saudáveis: bocaditos de cenoura e tomate

Decidi adaptar a receita das belas das pataniscas de courgette sem bacalhau e sem ovo que publiquei aqui e criar estes bocaditos de cenoura e tomate, usando também a farinha de grão.
Uns bocaditos bastante saborosos, saudáveis e que, pela consistência que lhes dá a farinha de grão, me dão para duas refeições. Ora vejam:



Bocaditos de cenoura e tomate
 (rende três bocaditos grandes)

Ingredientes:

1 cenoura triturada
1 tomate grande e 1 pequeno triturados
1 chávena de farinha de grão de bico
1 "ovo" de linhaça (1 colher de sopa de farelo de linhaça para 3 colheres de sopa de água)
óregãos
sal e pimenta preta q.b
óleo de coco

Processo: 
Juntar os ingredientes todos numa taça grande. Combiná-los com a ajuda das mãos ou de uma colher.
Pré-aquecer o forno a 180ºC e untar um pirex com um pouco de óleo de coco. Dispor pequenas porções no pirex, dando aos bocaditos o formato pretendido. Deixar cozinhar durante cerca de 15 minutos e depois virá-las e deixar até dourar. 

Podem acompanhar com imensa coisa, é só dar asas à imaginação!

sexta-feira, agosto 26

Lugares mágicos do nosso Portugal

Realmente o tempo que passei nos Estados Unidos e todas as peripécias que por lá aconteceram fizeram-me ver que o nosso país é dos países mais bonitos do mundo. De facto, levamos a vida a queixar-nos quando devíamos viver maravilhados com o que por cá temos. Até do tempo e da comida nos queixamos, quando temos um clima bastante agradável e gastronomia tão boa por terras lusitanas. Não fosse a política e a mentalidade das pessoas e viveríamos num conto de fadas. Uns mais avantajados que outros, é certo, mas todos felizes.
E depois desta lengalenga toda, hoje partilho convosco dois lugares mágicos de Portugal que eu própria ainda tenho que ver bem de perto. Até parece mentira haver tal beleza tão próxima dos nossos narizes.

E sabem o melhor? É que Benagil (ali para os lados de Lagoa) é das minhas praias favoritas e eu ainda nem tinha descoberto que dentro daquelas grutas que todo o mundo fala, existe isto:

                     

E ali para o interior, para os lados de Piódão, no concelho de Arganil, há isto (Foz d'Égua):




(suspiro gigante) 
Vamos ou vamos? 

quinta-feira, agosto 25

Ideias saudáveis: lentilhas com tofu marinado em tomate

Confesso que acabei por gostar de lentilhas e dão sempre jeito quando me apetece variar o acompanhamento do tofu. Gosto muito de tofu com batata doce, com arroz integral, com couscous e até em saladas. Mas desta vez trago-vos lentilhas com tofu marinado em tomate, feito no forno. Um prato de preparação rápida que dá para deixar a fazer enquanto te despachas para ir trabalhar. 


Ingredientes:
250gr de tofu
150gr de lentilhas
polpa de tomate
1/4 limão
óregãos

Processo:
Para as lentilhas 
Demolhar* as lentilhas, com o dobro da água à temperatura ambiente;
Depois de demolhar, descartar a água, lavar as lentilhas e iniciar o processo de cozedura;
Juntar sal:
O processo de cozedura é igual ao do arroz.

*é muito importante demolhar para melhorar a digestão e reduzir o ácido fítico

Para o tofu
Lavar o tofu
Cortar em pedacinhos;
Envolver o tofu em polpa de tomate e juntar um pouco de sumo de limão e óregãos
Levar ao forno até dourar (cerca de 10 minutos) 

Verter tudo na marmita et voilà!

Mais um almoço saudável cheio de cor e saúde!

quarta-feira, agosto 24

Ideias saudáveis: cookies integrais de chocolate e aveia

Se há coisa que me deixa consolada é o chocolate. E confesso que adoro bolachinhas com pepitas de chocolate, mas raramente as como, não fossem ter tantos açúcares e gorduras. E se vos disser que estas não têm nem gorduras e também quase não têm açúcar? Fofinhas, ligeiramente doces e saudáveis, assim se apresentam as minhas cookies integrais de chocolate e aveia.



Cookies integrais de chocolate e aveia

Ingredientes:

1 chávena de flocos grossos de aveia
1 chávena de farinha de centeio integral ou de alfarroba
1 pitada de sal
1/2 chávena de água morna
1 colher de sopa de linhaça moída
2 colheres de sopa de mel natural
2 colheres de sopa de açúcar amarelo ou adoçante stevia
1 colher de sopa de canela
1/3 chávena de chocolate plamil (vegano) culinária picado
1 colher de chá de fermento

Processo: 
Numa taça média, misture a linhaça, o mel, o açúcar, a canela e a água morna e misture bem. Junte a farinha, a aveia, o fermento e uma pitada de sal. Por último junte o chocolate picado e mexa novamente.
Coloque pequenas porções da massa num tabuleiro com papel vegetal e ajeite as cookies. Leve ao forno durante 20 minutos a 175ºC. Quando estiverem prontas, deixe arrefecer. Retire o papel vegetal.

terça-feira, agosto 23

Ideias saudáveis: doce de tomate caseiro

Cada vez que leio os rótulos no supermercado, tenho mais vontade de fazer tudo em casa. É mais ecológico, mais saudável e às vezes até mais económico. E com os doces então fico doente só de ler os rótulos e de ver as quantidades de corantes e conservantes, fora açúcares que mandam lá para dentro. Eu sei, eu sei que é doce e que tem de ter açúcar, mas há formas de minimizar a quantidade e de evitar corantes e conservantes.

Hoje trago-vos aquele que é de longe o meu doce favorito: doce de tomate.


 Doce de tomate caseiro

Ingredientes:

1 kg de tomates maduros
400gr de açúcar amarelo 
1 pau de canela

Processo: 
Coloque os tomates numa panela com água a ferver. Quando a pele começar a abrir, retire-os.
Passe-os por água fria e retire a pele.
Corte-os ao meio, esprema para tirar a água e tire algumas sementes (se preferir tire todas).
Passe-os no passe-vite ou amasse-os com uma colher de pau.
Num tacho alto coloque os tomates, com o açúcar e o pau de canela. Deixe repousar um pouco. Leve novamente a lume brando e vá mexendo de vez em quando.
Passado uma hora, retire o pau de canela e desfaça melhor o tomate, se for preciso.
Deixe ferver mais um bocado, mexendo sempre.
Quando o doce fizer "ponto de estrada"*, retire o pau de canela e guarde o doce em frascos previamente esterilizados.
Deixe os frascos ao contrário durante 24 horas para ganhar vácuo e para poder conservá-lo durante mais tempo**.

*"Ponto de estrada" - retire um pouco de doce e coloque num prato. Passe com a colher de pau no centro e se fizer uma "estrada" no meio está prontinho!
**Validade de aproximadamente um ano. Depois de aberto, deve ser conservado no frigorífico e consumido no prazo de um mês.

segunda-feira, agosto 22

Sai mais uma pobre bichaninha para adoção

Há quem não mereça o ar que respira. Oh se há!
Hoje só quero mesmo agradecer à pessoa que atirou esta bebé com uma manta para dentro do quintal de uma vizinha. E que o karma se encarregue dessa pessoa.
Assim, a nossa Mia está oficialmente para adoção, a quem prometer respeitá-la sempre. É um mimo de menina, adora pessoas e só quer colinho. Tem medo de cães, mas já estamos a tratar disso, já que veio parar à que é provavelmente a casa com mais cães da zona. Tem uns 3/4 meses e é siamesa e mesmo mesmo pequenina.
Serás tu, a próxima mamã ou o próximo papá da Mia?

Contacta-me: raqelinha24@gmail.com
Está na Margem Sul e poderá também ser entregue em Lisboa.

Resta-me agradecer à minha mãe, por ter um coração tão grande quanto o meu. Quem sai aos seus, não degenera, não é verdade?


 

domingo, agosto 21

Ideias saudáveis: pataniscas de courgette no forno

Há dias pesquisava ideias novas para me aventurar na cozinha, pois confesso que com a chegada do Verão os meus jantares se têm reduzido a batidos e saladas. Mas quando vi no blog Dicas da Oksi estas pataniscas de courgette resolvi experimentar tal delícia mas em vez de as "fritar" optei por fazê-las no forno. A combinação da courgette com a farinha de grão resultou num snack leve e saboroso.

Uma receita bastante versátil e prática, já que se pode substituir a courgette por N ingredientes.
Para uma versão salgada: cogumelos, tomate, espinafre, tofu.
Para uma versão doce: maçã, banana, mel.




Pataniscas de courgette no forno

Ingredientes:

1 courgette pequena ralada
1/2 chávena de farinha de grão de bico
1 "ovo" de linhaça (1 colher de sopa de farelo de linhaça para 3 colheres de sopa de água)
óregãos
sal e pimenta preta q.b
óleo de coco

Processo: 
Juntar os ingredientes todos numa taça grande. Combiná-los com a ajuda das mãos ou de uma colher.
Pré-aquecer o forno a 180ºC e untar um pirex com um pouco de óleo de coco. Dispor pequenas porções no pirex, formando as "pataniscas". Deixar cozinhar durante cerca de 15 minutos e depois virá-las e deixar até dourar.

sexta-feira, agosto 19

Ideias saudáveis: blueberry love

"Ora dá cá um, a seguir dá outro, depois dá mais um que só dois é pouco..."

E levante o dedo quem não gosta de coisas frescas e fáceis de fazer nestes dias quentes! 
O batido de hoje é de mirtilo e ameixa, já que estas estão no top das minhas frutas preferidas, juntamente com a melância e os morangos. Já o chocolate amargo está na minha lista de pecados incontroláveis e, quando o desejo aperta, nada melhor que um pouquinho de cacau cru ou de chocolate amargo para me satisfazer. 


Blueberry love

Ingredientes:
35g de flocos de aveia
30gr de linhaça dourada
100ml de leite de  amêndoa
125gr de mirtilos
2 ameixas pequeninas
1 colher de sopa de cacau cru orgânico
1 colher de chá de linhaça dourada para decorar

Processo: 
Bater o leite de amêndoa com os flocos de aveia, a linhaça, os mirtilos e as ameixas na liquidificadora;
Verter para um copo mega fofo e polvilhar com cacau cru em pó e linhaça.


Voilà! Mais amor e batidos, por favor!


quinta-feira, agosto 18

#look 37: és do tamanho da tua motivação

"When people say a person can't create change I look at them and say: watch me
Francesca Kennedy, fundadora da Ix Style, Water for Children (já vos falei dela e deste projeto maravilhoso aqui).

Descobre o que te faz feliz e não é momentâneo. Desafia-te. Ultrapassa-te. Prova que és capaz. Muda de rotina, de hábitos alimentares, o que for preciso para te sentires bem e para seres feliz!
Podes não acreditar, mas eu já fui bem mais gordinha, já andei perdida por aí, já odiei correr e treinar cardio. Não escondo nenhum segredo nem tenho a solução para emagrecer. Tenho sim uma alimentação muito especial e exigente (e que me faz mesmo feliz), um "plano" de treino que me preenche e procuro, dia após dia, ir atrás do meu coração e da minha felicidade, passe isto por onde passar.

E a ti, o que te faz feliz?

Top: Oysho
Leggings: Bershka
Melhor site motivacional na minha opinião: Motivationgrid.com


quarta-feira, agosto 17

Atalho Real no Príncipe Real

Algures ali para os lados do coração de Lisboa, um pouco mais para cima, considerando "cima" a direção que vai para os lados do Jardim Botânico, há um bairro de nome Princípe Real. A história rezará as suas origens e lá real ele aparenta ou finge ser, mas ao princípe não lhe sinto o cheiro. E é por aí que se encontra um (A)talho, também ele real, pois não faria sentido de outra forma.
Fui um bocado ao engano ou talvez guiada pelo coração, já que quando uma grande amiga faz anos vais onde ela sugere e ponto final. Nem questionei, confesso. Mas tal não foi o meu espanto quando vejo um espaço lindíssimo tanto no seu exterior como no seu interior, denominar-se "o rei da carne". Com a imagem de um bovino bem escarrapachada atrás do talhante e o dito cujo (vários até) a cortarem tudo bem ali à minha frente. Imagine-se quando o empregado de mesa, simpático como tudo (aliás, eram todos!) começa a tirar os pedidos. Lá tive de responder: "lamento desiludi-lo, mas vou ter que contrariar o gado. Era um hamburguer vegetariano, sff". Sim porque até nisso são top, já que num espaço que é conhecido pelas suas suculentas carnes vermelhas se pode encontrar um hamburguer de grão de bico e assim me livrei de ter de comer uma salada. E que hamburguer belíssimo, acompanhado com salada e batata gratinada. Das entradas à sangria, passando pelas caipirinhas e acabando no bolo de aniversário fofo como tudo da nossa Mi (este já escolhido e encomendado por ela própria, como não podia deixar de ser), estava tudo divinal, na melhor companhia.

Perdoa-me Mi, por ser tão fdgkdhdghjksswsfjkglçafraf mas sabes que é isso que nos une, por mais um ano. E que venham muitos muitos mais!




segunda-feira, agosto 15

Ideias saudáveis: coco berry love

Vocês já sabem a minha tamanha pancada por batidos. Confesso que adoro estes shots intensos de nutrientes seja de manhã ou à noite. Mas desta vez acho que descobri mesmo o meu crush. Pois é, apaixonei-me por um batido! Quem é que não se apaixona por uma combinação de frutos vermelhos e cacau? (como não?)


Coco berry love

Ingredientes:
70g de flocos de aveia
30gr de linhaça dourada
200ml de leite de arroz
170gr de frutos vermelhos (framboesas, mirtilos e amoras pretas)
1 colher de sopa de cacau cru orgânico
1 colher de chá de sementes de chia

Processo: 
Bater o leite de arroz com os flocos de aveia, a linhaça e os frutos vermelhos na liquidificadora;
Deitar no teu copo preferido e polvilhar com cacau cru em pó e sementes de chia.


Voilà! Mais amor e batidos, por favor!

domingo, agosto 14

Cuidados diários com a minha pele

A limpeza diária da pele, de manhã e à noite é - ou devia ser - tão importante como lavar os dentes. Nem sempre é fácil, eu sei: os produtos são caros e por vezes estamos tão cansadas que não temos vontade nenhuma de o fazer. Mas é nessas situações que devemos contrariar o cansaço, tal e qual como fazemos quando estamos cheias de sono mas não nos conseguimos deitar de estômago vazio. Porque mais tarde iremos agradecer o tempo que passámos a cuidar da pele, se não o fazemos já. 
Mas contra mim falo: que como fico logo morena, achava que não precisava de usar protetor solar. Foi então que começaram a aparecer as sardas, do sol. E, mais recentemente, acne. Vejam só... eu que nunca tive acne na adolescência! Claro que pode estar associada a muitos fatores mas um deles é, sem dúvida, o desleixo na hora de cuidar da pele. 
Já faz tempo que me mentalizei que tenho de cumprir os passos básicos de limpeza: gel de limpeza, tónico e hidratante. Mas foi preciso chegar a acne para me mentalizar que mais vale optar por produtos melhores, adequados ao nosso tipo de pele e específicos para os nossos problemas de pele (ainda que agora não os tenhamos, mais tarde vão certamente manifestar-se). Por isso, meninas, claro que é importante comprar conscientemente, mas nada de ser "unhas de fome" na hora de gastar mais num produto que realmente fará toda a diferença na saúde da vossa pele. 

Paniquei. Óbviamente. As borbulhas teimavam em aparecer, umas atrás das outras e já tinha experimentado tanta coisa e nada parecia funcionar - do Ketrel, aos produtos xpto para a acne, nada melhorava a minha pele e poder andar sem maquilhagem parecia tão longe de ser verdade. Claro que fiquei numa bolha qualquer: maquilhagem em cima da pele infectada ainda pior lhe fazia. 

Fez-se luz. E foi aí que me lembrei de contactar a Helena Magalhães do The Styland e falar-lhe de tudo o que me preocupava, como se a conhecesse ou como se de uma ida ao confessionário se tratasse. A Helena, querida como tudo, partilhou comigo os produtos dermatologicamente recomendados que tinham funcionado com ela - e que acabaram por também funcionar comigo - e essa conversa não só me fez ficar fã da Caudalie como me valeu todos os cuidados que atualmente tenho com a minha pele e que hoje venho para aqui partilhar convosco.

Passo 1 - Limpeza
A minha faz-se com 3 passos em vez de 2, graças ao que a Helena escreveu sobre a rotina das corenas para o Observador
1º Gel de limpeza - Nativa SPA, produto natural e dermatologicamente testado do Boticário. Modo de aplicação: humedecer primeiro a cara. Aplicar o gel de limpeza com os discos. 
2º Óleo desmaquilhante - Caudalie, tão conhecida por ser "o mais natural possível". Modo de aplicação: 2 a 3 bombadas e aplicar com as mãos. Retirar com água. 
3º Tónico - Caudalie também. Modo de aplicação: aplicar com os discos. 

Passo 2 - Esfoliante + máscara 
O mais importante é escolher produtos sem álcool, não abrasivos e bastante hidratantes, já que os produtos específicos para a acne secam a pele. A máscara opto sempre pela de argila natural do Celeiro, pois ainda não me debrucei tanto sobre este assunto. 

Passo 3 - Hidratação e tratamento
1º Hidratante - Caudalie, pois é aqui que a tarefa se complica. A maioria dos hidratantes tem álcool e essa substância não ajuda nada na hora de combater a acne e de cuidar de peles sensíveis.  
2 º Tratamento - À noite aplico o Benzac nas borbulhas para secar e de manhã a pasta da Uriage que serve de cobertura antes da maquilhagem, para evitar que as borbulhas inflamem novamente. De manhã uso também o protetor solar facial da Uriáge antes da maquilhagem.

E confesso que já estava há algum tempo para partilhar isto convosco, tal não foi o alarido que a minha mãe fez quando comecei a usar estes produtos. Curiosamente a Helena decidiu falar-vos sobre isso no blog dela também. Aproveitem (mesmo) para tirar partido das dicas.

É caso para dizer: uma Helena Magalhães  no seu dia, não sabe o bem que lhe fazia! 

OBRIGADA HELENA!


sábado, agosto 13

Ideias saudáveis: batido je-ne-sais-quoi de aveia e canela

Nunca sei que nome dar a estes batidos. Acabo sempre por escolher um ou dois ingredientes e chamar-lhes "batido de qualquer coisa". Na verdade o nome completo seria: batido de leite vegetal, aveia, canela, linhaça, banana, melão, mirtilos e chia, mas perdia a piada toda. Por isso não se admirem se eu lhe chamar batido de aveia e canela e vos souber a banana. O que neste caso não acho provável de acontecer, já que a canela tem um sabor muito caraterístico.
Mas vamos ao que realmente interessa: um pequeno-almoço e/ou lanche/jantar preparado em 5 minutos e bastante completo, graças à fibra da aveia e linhaça, ao poder antioxidante da canela e à fruta, tão importante para um estilo de vida saudável.

Prometo que em breve vou começar a fazer batidos de vegetais também, mas ainda tenho de ver seriamente se os vegetais e o leite vegetal não vão brigar no meu estômago.


 Batido je-ne-sais-quoi de Aveia e Canela

Ingredientes:
1 banana madura
3 pedaços de melão
3 mirtilos
2 copos de leite de arroz (frio)
1 c. de sopa de linhaça dourada
2 c. de sopa de flocos de aveia
1 c. de sopa de canela
1 c. de café de sementes de chia
canela em pó e 1 pau de canela p/ decorar

Mais amor e batidos fit, por favor!

sexta-feira, agosto 12

#look 36: Ailurophile

Ailurophile: a person who loves felines; a cat lover 

Foi no sábado o batizado da carochinha Matilde. Confesso que não sou fã de fazer viagens um tanto ou quanto longas e ter que voltar no mesmo dia, mas desta vez não havia outra opção, já que alguém tem de trabalhar ao domingo. Mas foi muito giro e quase parecia que estávamos num casamento, ou não fosse a disposição das mesas e a quantidade de comida que por lá havia. E ainda deu para passar um sábado inteirinho com a família.





  Look 
Macacão: EasyPrice
Sandálias: Seaside
Colar: Tous
Brincos: Parfois
Relógio: Daniel Wellington


quinta-feira, agosto 11

#look 35: ó mar salgado

Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu.

Algures no fim do mundo, ali para os lados de Sesimbra, existe uma praia que muito se assemelha à minha definição de paraíso. Mas, como tudo o que vale a pena na vida é difícil de alcançar, para chegar à Ribeira do Cavalo (ou Ribeiro do Cavalo, como a placa a identifica) é preciso fazer um trilho pelo meio do mato, que fará muita gente não querer voltar mais. São entre vinte minutos e meia hora, como se fossemos subir a Arrábida com 40º, mas vale mesmo a pena. Mas nada de modéstias na hora de calçar ténis e levar uma mochila às costas. E não esperem encontrar lá em baixo um bar de praia, nadadores salvadores nem um caixote do lixo, numa praia selvagem e genuína como esta.
O paraíso que chega para pobres e ricos, com a diferença que os ricos chegam de barco e os pobres se estropiam pelo mato. Até veres o vendedor de bolas de berlim chegar de barco e ficares um pouco confusa. Hm.
O meu conselho: equipem-se e desfrutem da jornada e levem daqueles sapatos de borracha para irem para a água calçados, pois se há coisa que me maçou foram as pedras à beira mar e dentro daquela água cristalina, lindíssima. Não que não sejam lindas também, mas lá que fazem doer os pés, oh se fazem!